Transporte

Os motoristas dos táxis daqui, chamados de Rickshaw, não conhecem a cidade muito bem. Em minha opinião eles conhecem apenas as áreas centrais e os pontos turísticos, pois quase sempre que uso esse serviço eles dão umas voltas desnecessárias.

Sendo assim, a melhor forma para não ser passado para trás é sempre ter em mãos o endereço do local que deseja ir, checar o trajeto/distância na internet, para que você possa ter argumentos e conseguir um desconto na corrida, pois quando eles veem que você é gringo eles mega sobretaxam a corrida, além de que você deve sempre questionar o valor do serviço, antes de entrar no transporte.

Aqui funciona da seguinte forma: para cada ‘km’ percorrido você paga 10 rúpias, se o motorista te cobrar mais você não aceite, pois já é roubo!

Só para vocês terem uma noção da roubalheira: Para ir ao Mercado eu pago sempre 30 rúpias o trajeto, porém sempre que eu aceno para um Rickshaw e pergunto o preço da corrida eles me dizem 200 rúpias (sim, quase 06 vezes a mais), daí eu informo que já sei que o valor é de 30 rúpias, que este é sempre o valor que eu pago, e no final eles acabam concordando.

Abaixo segue foto do Rickshaw:

Imagem

Respostas de possíveis perguntas:
1) Esse transporte é pequeno?
Sim, ele é bem pequeno, mas já conseguimos entrar em até 7 pessoas nele!

2) Ele é confortável?
Não! Até agora não tive experiência de nada confortável por aqui.

3) Ele é sujo?
Sim, como todos os carros normais da Índia.

4) O motorista fala inglês?
Muito difícil encontrar um motorista de Rickshaw que fale bem inglês (mas não impossível), sendo assim temos que aprender umas palavrinhas de híndi.

Anúncios

7 pensamentos sobre “Transporte

  1. Mila, vivendo e aprendendo, isso de cobrar a mais de “gringo” é no mundo todo, ainda acho que não precisava ser assim, mas alguém querendo tirar vantagem de tudo e de todos encontramos em todas as partes do mundo.

  2. Nossa! Não imagino sete pessoas dentro disso…kkkkkk
    É uma mistura de triciclo e com combi…kkkkk
    Existe aluguel de automóveis por aí? Compensa?
    Como é o carro que você vai pro trabalho?

    • Olá Pepe,
      Sim, existe, mas no dia a dia não compensa, apenas se formos para muito longe!
      Por exemplo, nesse último domingo fomos para Agra, conhecer o Taj Mahal, dai alugamos um carro.
      O carro que vou para o trabalho pertence à uma das pessoas que me busca, ele é normal, apenas tem diferente a mão inglesa!
      Beijos!!

  3. caramba vou te falar hein os indianos são uns sacanas(não generalizando) claro mas putz e super faturação demais em cima de um gringo, isso deveria ser proíbido:_

  4. Pingback: Famoso Rickshaw indiano…. | Paranaense na Índia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s